....e lavou tudo. Vi escorrer pela minha pele toda essa corrupção, restos de lembranças, cinzas de desapontamentos, pedidos de perdao...

A chuva veio....


....e lavou tudo.
Vi escorrer pela minha pele toda essa corrupção, restos de lembranças, cinzas de
desapontamentos, pedidos de perdao saíram de debaixo das minhas unhas e declarações de amor vazias deixaram os fios do meu cabelo.

Voces simplesmente se foram, nao os quero mais comigo, nao vou mais senti-los em mim.
A noite escura veio e se foi, eu no silencio decidi sair dela limpa e nova, recém nascida de todo esse horror.
Desejo trocar de nome, de carne, de maneiras, sem deixar de ser eu mesma.

Aos que nao entendem, e criam para si todas as mentiras que podem sobre mim, tenho-lhes pena e lhes desejo sorte.
Abandono-os vulgarmente, como em outros momentos fui abandonada. Amo e enlaço com meu coraçao limpo.

Um comentário: