...Pateticamente impossível. Por vezes, eu simplesmente não acredito, e meu cérebro permanece tentando interligar as pessoas que ele era ...

Parece....

...Pateticamente impossível.
Por vezes, eu simplesmente não acredito, e meu cérebro permanece tentando interligar as pessoas que ele era e é... ali, tão perto.
Percorro os desenhos com a ponta dos dedos, traçando uma linha continua, como ja fiz tantas vezes - milhares - ao longo dos anos.
Conquanto não bastasse, também eu preciso buscar constantemente as ligações entre aquela sami de tanto tempo atrás e está que aqui está.
Confortavelmente aconchegada, eu suspiro:
"É isto, simplesmente o é! Nada falta."

0 estranhos olhares: