Sempre achei muito dramática a maneira que as pessoas veem o fim do ano. Mas também sempre tentei aceitar. Ainda não consigo entrar o ano de...

sobre finais

Sempre achei muito dramática a maneira que as pessoas veem o fim do ano. Mas também sempre tentei aceitar.
Ainda não consigo entrar o ano de branco. Não posso começar uma pagina nova ainda... reescrever tudo.
É possível que eu só consiga isso depois do começo desse ano.

Eu tenho escrito coisas novas em cima de coisas velhas, então quando eu leio, entendo muito pouco daquilo que eu fiz... mesmo sabendo os "por ques".

Uma película turva se formou sobre meus globos oculares, e metade do meu cérebro esta no piloto automático, enquanto a outra metade fica sentada à meia luz torcendo as mãos em movimentos tensos, esperando e esperando.
Por fora, a mesma de sempre, distraida e aparentemente lunática, aperta mais firme as cordinhas do espartilho que voltou a usar, planeja mudar tudo até a cor dos cabelos, perder algum peso, mudar o gosto literário e promete sorrir mais... vai saber? anda tomando gosto por virar a vida do avesso.

De tudo, só sei que meu fim não será neste dia 31. Ainda tenho de esperar um pouco mais.

3 comentários:

  1. mas no proximo vc jah sera uma NOVA sami *_ *... linda como sempre, brincalhona como sempre, pore,, d alma limpa *_* estarei aqui pro q precisar.

    ResponderExcluir
  2. Tem mais verdade aí do que eu posso expressar, tifa.

    ResponderExcluir