Por que eu deveria temer pelo que eu sou ? arrepender-me? ou me culpar pelas minhas ações? então que eu não fizesse nada. Não gosto de de...

'poenitentiae', tapas e fogo

Por que eu deveria temer pelo que eu sou? arrepender-me? ou me culpar pelas minhas ações? então que eu não fizesse nada.
Não gosto de desperdiçar meu tempo. Falta de lógica sobre isso é burrice.
Aceito um tapa no rosto e ofereço o outro lado, por que disparidades me incomodam.
Eu gosto de queimar dentro de mim.
E espero que eu seja assim sempre. Espero ter muitas epifanias, e dar cada vez mais valor à minha liberdade.

E que eu vá mesmo para o inferno, mas somente quando eu aceitar novamente tais coisas que privariam a liberdade da minha mente. Por que nesse dia, SE isto acontecer, eu merecerei.

Amém.

(a foto é da sala de velas da igreja "Nossa Senhora do Rosário", local de muitas epifanias bem-vindas")

6 comentários:

  1. chamou meu comentario com a foto, acho que n comentaria se nao tivesse esse "ps" no final.. isso pq n tenho mais o que contar, tu ja sabe o que penso.

    acho uma coisa que nao sei se te disse, é meio lógico, merecedor de um "dã"...

    ~ tu ta procurando pessoas e coisas que te façam sentir viva..

    só que queria que tu nao achac elas... pq elas sempre partem, por mais perfeito que seja a história.. nao sei dizer até que ponto vale viver, é bom, mas depois doi, doi muito

    é como uma droga, um vicio... é bom no começo, mas e depois?

    ResponderExcluir
  2. o depois, fica pra depois.
    nao sou apta (e nem quero) "pré-ocupar-me" com isto.

    ResponderExcluir
  3. entendo, nao posso te julgar, pq diante de coisas parecida tive a mesma atitude. e mesmo sabendo do depois... acho que faria tudo dinovu, mesmo sabendo que era errado.


    sobre o post
    teu passado tem muitas coisas inacabadas.. tudo volta para tentar achar uma soluçao, tu ta deixando acumular... e os problemas e pessoas se misturam...

    logo as coisas vao sair do teu controle.. pq algumas parecem que ja perderam a logica de ser.

    quando tudo tiver acabado, quero começar uma nova vida... quero que tu seja um marco como outros foram, nao quero me misturar com o teu passado. só com o presente..

    conte e avise quando terminar

    ResponderExcluir
  4. Talvez eu não devesse me preocupar. Mas talvez é isso que eu deveria fazer, porque é o que eu faço de melhor: Correr em círculos e eternamente revirar as cinzas atrás de brasas e esquecer todo o resto.

    HAHAHA, a vida é mesmo engraçada.

    ResponderExcluir
  5. É, deixe mesmo a pré-ocupação com quem entende.

    o/

    ResponderExcluir