Eles falam de deus. Eu e meu copo de água gelada formamos uma dupla em frente à TV, completamos nossa curta historia da cozinha até a sala e...


Eles falam de deus. Eu e meu copo de água gelada formamos uma dupla em frente à TV, completamos nossa curta historia da cozinha até a sala e eles falam de deus. Meu filme terminou e eles apareceram, bem ali, na caixa mágica. Eu lhe digo criança: nós somos aquilo que falamos, escrevemos, criamos. Que resta para eles então? Aquele ali bem no meio da igreja televisiva do nosso tempo, de terno e cabelos molhados de suor é Deus, é seu próprio Deus. Sem olhar novamente para a tela eu estendo meu braço esquerdo e aperto o botão maior do televisor, o estalido abafado da tela perdendo a emissão elétrica de luz me indica que apagou, a voz do Deus morre nos meus ouvidos. Menos mal assim, eu sou o meu próprio Deus. Uma deusa sem ambição de ser a Deusa de muitos, mesmo agora, escrevo para mim, e não para quem vem até aqui e me lê. (se é que alguém vem)


Egoísta, apenas mais uma divindade egoísta.

Criança bonita, a tecnologia não é maravilhosa? Eu sou uma Deusa em códigos agora mesmo, milhões de códigos sendo passados para o código que representa a máquina através da qual você me lê neste momento.

Totalmente repleta de falhas, totalmente admissível, não é ruim olhar para mim não é? Eu não sou o desconhecido, sou as letras com as quais você esta sendo acostumado desde a sua infância, e fora daqui tenho o tom de voz de uma criança, quase inocente.

Criança, criança, sonho lindo você é para esta Deusa, alguém que me lê e que compreende, que entende tudo através de minhas metáforas tão complicadamente escritas. é uma pena que, sonhos bonitos, em sua maioria, não são verdades.

6 comentários:

  1. "Sonhos sonhados sozinhos, são só sonhos.
    Sonhos sonhados juntos, são realidade."

    Eu ainda ás vezes sonho, mas então, logo depois acordo.

    ResponderExcluir
  2. Hum, Creia!
    Nem tudo é tão tangível. Suporte a dor, Suporte a solidão mas não suportarás a verdade. A verdade é a lei, e a lei não é mudada. Então, no fundo descobrimos que tudo é sem sentido. Sejamos claros: Estamos todos perdidos.

    Acho que compreendi sua essência, ou melhor, a essência das tuas palavras. Palavras de quem conhece a dor, a vida, o amor e o ódio, de todos os lados e de todas as intensidades.

    No fim, nosso mais terrível demônio sempre se volta contra nós. e ainda o beijamos.

    Fique em paz garota.

    ResponderExcluir
  3. Sonhar nunca é o bastante,
    é necessidade de vida...
    sem sonho a planta seca,
    o mundo fica sem vida,
    o velho morre e o jovem envelhece.

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito do seu blog, de tudo.
    Vou voltar sempre com certeza.
    Gostei mais ainda do modo corajoso de se expor de escrever, de se escrever.
    Parabens
    Roberto Mauro

    ResponderExcluir
  5. Esse também é ótimo, nos diz muito de ti e de nós e do mundo lá fora e aqui dentro, sempre.

    ResponderExcluir
  6. "e fora daqui tenho o tom de voz de uma criança, quase inocente"

    adorei isso

    ResponderExcluir